sexta-feira, 1 de Julho de 2011

RJ: CCBB resgata canções proibidas pela ditadura militar

'CALE-SE - A CENSURA MUSICAL': Quatro shows resgatam produção musical brasileira censurada entre 1966 e 1987

Entre os dias 30 de junho e 10 de julho, o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) do Rio de Janeiro vai realizar 'Cale-se - a censura musical', uma série de quatro shows com músicas censuradas pela ditadura militar, no período de 1966 e 1987. Os mesmos cantores e repertórios serão apresentados no CCBB de São Paulo ao longo de junho. Idealizada pelo produtor Marcus Fernando, que foi atraído pelo ineditismo do assunto nos palcos, a série objetiva resgatar essas canções proibidas de tocarem nas rádios e serem gravadas em elepês.

"Há literatura sobre o assunto, mas acredito que ele nunca foi tratado em formato de shows, no qual o público poderá ouvir as canções censuradas e conhecer os motivos para os vetos", explica o curador, que vai entremear as histórias com as músicas. A ideia é fazer um convite à reflexão sobre esse período recente da história do Brasil, mas sem dó no peito. "Claro que vamos tratar tudo isso com humor, até porque a maioria das histórias soa curiosa e/ou absurda nos dias de hoje", diz Marcus Fernando.

Para mostrar como esses cerca de vinte anos de censura afetaram a produção musical da época, ele selecionou aquelas músicas que se tornaram uma forma de manifestação contra o regime ou não se enquadravam na moral e bons costumes da época. A cada semana, os repertórios serão cantados por um casal de intérpretes. São eles: Fátima Guedes e Zé Luiz Mazziotti, Verônica Ferriani e Zé Renato, Inez Viana e Alfredo Del-Penho, Silvia Machete e Eduardo Dussek. A seguir, datas e repertórios:

Dias 30 de junho e 1 de julho (quinta e sexta-feira)
A MPB CALADA - Parte 1 - Fatima Guedes e Zé Luiz Mazziotti

"Fátima Guedes é uma consagrada compositora que se tornou uma grande cantora e Zé Luiz Mazziotti, um dos maiores cantores do Brasil, apesar de pouca gente saber disso", nas palavras do curador. No roteiro, músicas de Chico Buarque ("Cálice", com Gilberto Gil, e "Samba de Orly", com Vinicius de Moraes e Toquinho), Caetano Veloso ("Vaca profana"), Aldir Blanc ("Almirante Negro", com João Bosco, e "Êxtase", com Djavan) e Paulo César Pinheiro ("Cordilheiras", com Sueli Costa, e "Pesadelo", com Mauricio Tapajós), entre outras.

Dias 2 e 3 de julho (sábado e domingo)
A MPB CALADA - Parte 2 - Verônica Ferriani e Zé Renato

"Verônica Ferriani figura entre as cantoras mais versáteis da nova geração. Zé Renato dispensa comentários, com seu rico material vocal", avalia Marcus Fernando. No roteiro, músicas de Gonzaguinha ("Comportamento geral"), Taiguara ("A ilha"), Sérgio Ricardo ("Calabouço"), Geraldo Vandré ("Canção da despedida", com Geraldo Azevedo, e "Pra não dizer que não falei de flores"), Belchior ("Pequeno mapa do tempo"), Jards Macalé ("Revendo amigos") e Adoniran Barbosa ("Tiro ao Álvaro"), entre outras.

Dias 7 e 8 de julho (quinta e sexta-feira)
CENSURANDO O POPULAR - Inez Viana e Alfredo Del-Penho

"Pensei em cantores-atores pra interpretar o repertório mais popular, por isso Inez Viana e Alfredo Del-Penho, com a experiência de tantos musicais", lembra Marcus. No roteiro, músicas de Odair José ("Noite de desejos"), Waldick Soriano ("Tortura de amor"), Luiz Ayrão ("O divórcio" e "Meu caro amigo Chico"), Benito Di Paula ("Proteção às borboletas"), Juca Chaves ("O Brasil vai à guerra" e "Presidente bossa nova") e Odair José ("Noite de desejos" e "Uma vida só", que ficou conhecida pelo refrão "Pare de tomar a pílula"), entre outras.

Dias 9 e 10 de julho (sábado e domingo)
O POP ROCK PROIBIDO - Silvia Machete e Eduardo Dussek

"Precisava de irreverência para cantar o pop-rock, então convoquei Silvia Machete e Eduardo Dussek, ideais para cantar esse repertório", comenta o curador. No roteiro, músicas de Rita Lee ("Cor de rosa choque"), Raul Seixas ("Óculos escuros", com Paulo Coelho, e "Rock das aranhas", com Claudio Roberto), Leo Jaime ("Cobra venenosa", com Selvagem Big Abreu), Pepeu Gomes ("O mal é o que sai da boca do homem", com Baby Consuelo e Galvão) e o próprio Dussek ("Barrados no baile", com Luiz Carlos Góes), entre outras.

CALE-SE - A CENSURA MUSICAL
Período: 30 de junho, 1, 2, 3, 7, 8, 9 e 10 de julho (de quinta a domingo)
Sessões: 19h30



Fonte: Assessoria de imprensa
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

JORNAL

SOCIALISTA

GALERIAS DE FOTOS

Sede nacional:

Avenida Nove de Julho, 925

Bela Vista - São Paulo - SP

Metrô Anhangabaú

CEP 01313-000

(11) 5581.5776

São Paulo - Centro - SP

Rua Florêncio de Abreu, 248

(11) 3313.5604

saopaulo@pstu.org.br

http://pstupaulista.blogspot.com.br/

Rio de Janeiro - RJ

Rua da Lapa, 180

(21) 2232.9458

riodejaneiro@pstu.org.br

rio.pstu.org.br

Belém - PA

Travessa Curuzu, n° 1995 - Altos

(91) 3226.6825

belem@pstu.org.br

blogpstupa.blogspot.com.br

São Paulo - Zona Sul - SP

Rua Julio Verne, 28

(11) 5523.8440

pstu.dasul@ymail.com

Rio de Janeiro - Madureira - RJ

Av. Ministro Edgar Romero, 584/302

riodejaneiro@pstu.org.br

rio.pstu.org.br

Natal - RN

Rua Princesa Isabel, 749

(84) 2010 1290

pstupotiguar@gmail.com

www.psturn.org.br

São Paulo - Zona Leste - SP

Rua Henrique de Paula França, 136

(11) 99150.3515

saopaulo@pstu.org.br

Belo Horizonte - MG

Edifício Vera Cruz, Rua dos Goitacazes 103, sala 2001.

bh@pstu.org.br

minas.pstu.org.br

Fortaleza - CE

Rua Juvenal Galeno, 710

(85) 3044.0056

fortaleza@pstu.org.br

São Paulo - Zona Oeste - SP

Rua Alves Branco, 65

(11) 98195.6893

saopaulo@pstu.org.br

Porto Alegre - RS

Rua General Portinho, 243

(51) 3024.3486 e 3024.3409

portoalegre@pstu.org.br

pstugaucho.blogspot.com

Aracaju - SE

Av. Gasoduto, 1538-b

(79) 3251.3530

aracaju@pstu.org.br

pstusergipe.com.br/

Mais sedes...