Em Sergipe, Vera Lúcia é pré-candidata à Deputada Federal

57
Evento contou com a presença de Zé Maria, pré-candidato à presidência pelo PSTU

Encontro Estadual aprovou também a conformação da Frente de Esquerda com PSOL e PCB

Encontro Estadual do PSTU/SE, realizado na noite da quarta-feira, 19, em Aracaju, aprovou suas primeiras pré-candidaturas para a disputa eleitoral de outubro.  A novidade da noite ficou por conta da aprovação de Vera Lúcia como pré-candidata à Deputada Federal. Vera é a maior referência política do PSTU em Sergipe e sempre foi candidata a cargos majoritários. Dessa vez o partido aposta na disputa a uma vaga a Câmara Federal.

“O desafio está colocado, os trabalhadores e a juventude sergipana terão as chances de ter uma representante com a sua cara na Câmara Federal. Sou mulher, sou negra, sou trabalhadora. Não depositamos nenhuma confiança no parlamento da burguesia, não acreditamos que a mudança da vida da classe trabalhadora passe por lá, mas queremos fazer desse espaço um tribuno a serviço das vozes das ruas”, afirmou Vera Lúcia.

O encontro, que contou também com a participação de José Maria de Almeida, presidente nacional da agremiação e pré-candidato à Presidência da República reuniu dezenas de militantes, filiados e simpatizantes do PSTU para debater uma plataforma política para as eleições 2014. Estiveram presente representações de dezenas de entidades do movimento sindical, estudantil e popular, além de representantes do PSOL e PCB.

“Os trabalhadores e a juventude sergipana terão alternativa nas eleições 2014. Os mesmos de sempre tentam permanecer no poder, para isso constroem bloco sem princípios. O único objetivo é se perpetuaram no poder. Infelizmente, o PT e o PCdoB entraram de malas e bagagens nesse jogo sujo e não representam mais os anseios do povo pobre e sofrido de nosso Estado. Vamos construir uma Frente de Esquerda junto com o PSOL, PCB e entidades dos movimentos sociais”, disse Edvaldo Leandro, da direção estadual do PSTU/SE.

Zé Maria destacou a importância do PSTU apresentar uma pré-candidatura à Presidência da República. “O Brasil não é o mais o mesmo após junho do ano passado. A juventude e os trabalhadores vem ocupando às ruas do País contra a precariedade dos serviços públicos e contra as injustiças impostas pelos investimentos nos grandes eventos como a Copa do Mundo da Fifa e a Olimpíadas. Mais de R$30 milhões foram destinados para construção de estádios de futebol, enquanto isso, o povo pobre sofre com o caos na educação, nos transportes e na saúde pública. Por isso, é necessário apresentar uma alternativas nas eleições que represente a voz das ruas, a voz dos trabalhadores e da juventude tem que feito das ruas o palco de batalha e a greve o instrumento de suas lutas”, disse Zé Maria.

ACESSE o site do PSTU Sergipe